Slideshow

Tradutor - Translater - Traductor - Traducteur - Traduttore - Översättare - 翻译 - Переводчик

Se quer receber actualizações do meu blog

Coloque aqui o seu email:


Powered by FeedBlitz

17 de junho de 2008

NÃO CRESÇAS MAIS

Grifo

Não cresças, por favor, linda menina!
Fica assim como estás, eternamente:
Pura, meiga, carinhosa, pequenina,
Doce, louca, descarada, inocente.

Faz diabruras e continua traquina,
Engana-me e ri-te na minha frente,
Os teus enganos têm a graça divina,
De me enganarem e eu continuar contente.

Deixa soltas as tuas, louras, penas,
Sem laços e sem fitas a prendê-las,
Esvoaçarem ao vento livremente

Continua a vestir saias com folhos
E deixa que esses teus, bonitos, olhos
Continuem meu espelho,permanente.

Por: Fernanda
Blog: Fernanda & Poemas

Lisboa,31 de Maio de 2008
"Todos os direitos de autor reservados"

24 comentários:

O interior da Ratinha disse...

gostei muito do teu blog.

bjo

M. disse...

Um poema todo ao estilo Florbela Espanca numa versão não-sofredora claro. em versão de esperança.
O meu aplauso à Fernanda.

e a imagem.. ai Nuno, Nuno.. :)
é sem dúvida estonteante aquele olhar.

Beijos

Crystal disse...

Olá Nuno, ando já há tanto tempo a cuscar este teu blog, adorei a ideia de colocares as pessoas a comentar as fotos...acho um espanto o retorno que tens tido, é bonito de ver fotos soberbas complementadas de forma tão diferente e especial pelo olhar de cada um...Esta interactividade é fabulosa. Parabéns pela ideia, pelo sucesso e também a todos que escrevem tão bem. Este da Fernanda está especialmente alegre e não é nada fácil escrever alegria.Parabéns também a ti Fernanda.

Beijinhos

Crystal disse...

Olá Nuno, ando já há tanto tempo a cuscar este teu blog, adorei a ideia de colocares as pessoas a comentar as fotos...acho um espanto o retorno que tens tido, é bonito de ver fotos soberbas complementadas de forma tão diferente e especial pelo olhar de cada um...Esta interactividade é fabulosa. Parabéns pela ideia, pelo sucesso e também a todos que escrevem tão bem. Este da Fernanda está especialmente alegre e não é nada fácil escrever alegria.Parabéns também a ti Fernanda.

Beijinhos

Carla disse...

a imagem encanta...as palavras cantam belos sentires
parabéns aos dois
beijos duplos

pin gente disse...

bonito soneto e belíssima foto
parabéns a ambos
abraços
luísa

mundo azul disse...

Belíssima foto, belíssimo soneto!!!
Parabéns ao talento dos dois...
Beijos de luz e um dia muito feliz!

isabel mendes ferreira disse...

hino. hino à capacidade de assim fotografar!


BELÍSSIMO nUNO.

maray disse...

belíssima foto, Nuno! Eu gostaria de poder fotografar assim. Costumo desfocar, em virtude da minha falta de jeito e miopia. Mas gosto muito de grafittis. Costumo colocar algumas fotos no www.flickr.com/photos/checaribe.
Gostei muito do olhar da ave. Normalmente elas são vistas como frágeis e esta está com um olhar orgulhoso, altaneiro. O olhar do fotógrafo transforma em arte o que a natureza criou.

Anónimo disse...

Esta é das fotos k mais gosto, é linda.

Bjos bfs

Eu

Ana disse...

Tudo o que disser é só elogios porque adorei a imagem magnífica e o texto belo que adicionaste. LINDO!!!!! Beijinhos muito grandes, Ana

Sandra Rocha disse...

Olha a minha foto predilecta. :)
Não me canso de olhar para ela.

Que conto magnifico, maravilhoso.

Cada vez mais gosto deste teu novo espaço meu amigo. :)

minucha disse...

Bem e para variar vou dizer o mesmo que todos os outros.
Linda a fotografia e o soneto espectacular

com senso disse...

Qualidade, inteligência e bom-gosto. Está perfeito. Parabéns.

guiga disse...

Gostei do texto. Mas, apaixonei-me mais pela foto. Incrível a beleza desses animais!
Boa semana! *.*

cris disse...

Nuno, da foto, que mais dizer?
Tanta vez ouvimos dizer que uma imagem vale por mil palavras, não é? E as tuas, valem, já to disse tanta vez!
Uma imagem vale sim, porque nos deixa ao sabor do pensamento, do deixar fluir e correr a imaginação...

Só que aqui, aquilo que te propuseste, ao criar este blogue,foi que cada um que vais escolhendo,escreva o que imagina, o que vê, olhando uma foto tua.
Quem vem, tem que deixar de fora o conceito acima referido e não esquecer o objectivo proposto.

Assim, não posso "prender-me" apenas à foto. Tenho que a olhar, sim, mas tenho que olhar o poema.
E, foi o que "fiz" e adorei!
Ver como uma foto e um poema se enlaçam, ler este "Não cresças mais", olhando a foto e imaginar o prazer da Fernanda a escrever, a deixar correr a "caneta"...
Imaginamos uma menina, imaginamo-la de cabelo ao vento (soltando as "tranças" - penas da ave) Imaginamo-la de vestido colorido, cheio de folhos!
Imaginamo-la traquina, pueril!
"Esqueci" o grifo", ou melhor, olhei-o duma outra forma...deixando-me levar pela musicalidade dum poema, que me levou até às deliciosas cantigas de roda!
Ficou lindíssimo, comovente, prenhe de esperança, de brilho, de cor, de vida!
Muito bem conseguido, na minha opinião!
Parabéns sinceros aos dois.
Belo trabalho!

Beijo,

Cris

Baba disse...

UN MACRO DE IMPACTO!!!
El poema que lo acompaña muy bello, muy sentido y muy cierto: Ser niño de alma, eternamente, sin disfrazar sentires!!!

Maria Clarinda disse...

Parabéns,aos dois!!!!!
Ficou lindo.
Jinhos mil

isabel mendes ferreira disse...

amei o "meu livro".


amei e amei e amei.




"bigada" NUno!!!!!!!
beijosssssssssssssss.

xistosa - (josé torres) disse...

Quase por descuido é que descobri este local.
Não vou colocar mais elogios, o que é bom, não tem discussão.
Esta simbiose, ave-poema é talvez um dos momentos mais gritantes do que em pouco tempo vi e li ...
Só dois "profissionalões", combinavam uma pintura destas.
Imenso o poema que não sei se começa na ave de rapina, se foi rapinado por ela,(grifo, será?)

Nadia disse...

Não tenho palavras!
Está tudo dito!

Obrigado por esta partilha!

Beijos, Nádia

Lara disse...

Esta é a minha fotografia preferida. A que eu mais gostei.
Beijinhos Nuno

Vivian disse...

Olho esta imagem e saio de meu assombro. Como se pode conseguir tanta beleza? É a que mais me agradou (junto com a da libélula, ainda que não a comentei)Os versos são uma maravilha.
Felicitações a ambos.
Um abraço

Jane Doe disse...

Hmmm

A ideia de associar textos de autor Às tuas fotos está excelente.

E como eu tenho a mania de querer tudo...

Posso participar? Que teria de fazer?

:)

Peço desculpa pela lata mas só assim se chega a algum lado.

Acerca de mim

A minha foto
Nasceu na maternidade Bensaúde na freguesia da Nossa Sr.ª de Fátima em Lisboa, no dia 9 de Abril de 1966. Vive presentemente em Mem Martins, concelho de Sintra, distrito de Lisboa. Fotógrafo por paixão, desde bem pequeno sempre admirou os trabalhos de outros fotógrafos mas só de há dois anos a esta parte se dedicou a esta bela arte. Amador e autodidacta, tem tentando aprender os segredos da fotografia; fez recentemente um curso de iniciação à fotografia e pretende fazer mais alguns. Tem ainda aprendido com outros fotógrafos, observando e lendo muito sobre o assunto. Sendo hoje um hobby, gostaria de um dia poder ir mais longe, quem sabe ligado profissionalmente a esta área, hoje é administrador de um site de fotografias nacional: www.fotogenico.net, venha inscrever-se é gratuito. Realizou algumas exposições de fotografia (“Sorrisos” e “Mar”), doando o seu trabalho em prol de um projecto de ajuda aos Mininos di Rua em Cabo Verde. Tem algumas galerias na Internet e um blog onde vai dando a conhecer o seu trabalho. Fotografias de maior interesse: Paisagens, macros, mundo animal, retratos, pôr e nascer de sol, arte digital, desporto e acção, fotografia ligada à nossa história.

Visitas neste Blogue

Seguidores

Bau - Cabo Verde


Discover Bau!